Edição da Revista Frota e Cia. de maio traz uma entrevista exclusiva com o presidente da Abidip

Ricardo Alípio traçou um panorama do mercado de importação de pneus no Brasil e falou sobre as perspectivas para este ano.

Em entrevista a Revista Frota e Cia, Ricardo Alípio disse que a demanda do setor permanece superior a oferta encontrada no mercado. Esclareceu que ainda existe escassez e fortes aumentos no custo da matéria-prima, e ainda, que a importação de pneus no Brasil deva crescer de 1,4 milhão no ano passado para 2,3 milhão de pneus importados em 2021.

Em outro trecho da entrevista, o presidente da Abidip criticou o protecionismo: “O principal gargalo está no protecionismo que algumas alas do governo insistem em utilizar como ferramenta de barganha, alegando que para o desenvolvimento do País se faz necessária a proteção da indústria nacional. Proteção essa, que faz com que o brasileiro pague muito mais por um produto que pode ser importado por preços muito mais justos.

Isso se reflete em toda cadeia de consumo, até atingir o bolso da família mais carente, impactando diretamente no custo Brasil. Além desse motivo, vigora no Brasil um tributo criado há mais de 30 anos para renovar a frota mercante nacional que não existe. Trata-se do Adicional ao Frete para Renovação da Marinha Mercante – AFRMM.

Além de não existir frota marítima nacional a ser renovada, o AFRMM é cobrado sobre base de cálculo estranha ao seu fato gerador. Todos esses fatores vão influenciar no custo da mercadoria ao consumidor final, o transportador, e consequentemente no valor do frete rodoviário”.

Veja a entrevista na íntegra em:

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *